Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

domingo

Tarso Genro denuncia tentativa de golpe contra a Presidenta

tarso_marcelocamargo_abr.jpg

Tarso diz haver 'golpe' contra Dilma para 'deformar vontade eleitoral'.

Governador do Rio Grande do Sul compara tentativa de manipulação em 2014 à eleição de Fernando Collor, pede que campanha da petista reaja e diz que intenção é impedir comparação de projetos.




por Redação RBA publicado 10/10/2014 13:58, última modificação 10/10/2014 14:17 
 
0 Comments
Marcelo Camargo/Agência Brasil

'Foi tentada em diversas circunstâncias. Agora está sendo efetivada de maneira brutal', diz governador.

São Paulo – O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, postou hoje (10) em seu perfil no Facebook um vídeo em que afirma haver um “golpe político” que tenta impedir a reeleição de Dilma Rousseff. Também candidato a um novo mandato pelo PT, Tarso pede que a campanha da presidenta reaja e comece a rebater denúncias veiculadas pela mídia tradicional.

“Estamos num processo eleitoral muito difícil. Há uma campanha organizada pela grande mídia contra a reeleição da presidenta Dilma que está alcançando as raias de uma manipulação eleitoral agora no segundo turno”, inicia o governador, dizendo que fala com a autoridade de quem foi ministro da Justiça do governo Lula e deu autonomia à Polícia Federal para que exercesse corretamente seu trabalho de investigação.


“Isso que está sendo feita agora é uma manipulação eleitoral brutal para influir no seu voto. Vamos nos organizar, vamos lutar, vamos distribuir esse vídeo, alertar a população de que há um golpe político em curso. Um golpe que tem por objetivo deformar a vontade eleitoral, não deixar que as pessoas formem seu juízo a partir do debate político, a partir dos programas apresentados pelos candidatos, mas sim a partir de fatos que estão sendo delatados, que podem ser verdadeiros ou não, e não se sabe ainda quem serão os atingidos”, continua.

Ontem Tarso postou mensagem, também no Facebook, na qual afirmava que as denúncias envolvendo a Petrobras são, ao mesmo tempo, um jeito de atacar Dilma e de poupar Aécio da acusação de que usou recursos do governo de Minas Gerais para construir um aeroporto nas terras do tio na cidade de Cláudio, a 150 quilômetros de Belo Horizonte. “Acusação sem provas à beira da eleição, feita por ladrão confesso, é manipulação do processo eleitoral com ajuda da mídia que protege Aécio.”

Levantamento divulgado na última semana pelo Manchetômetro mostrou que denúncias contra o PT motivaram três vezes mais reportagens na mídia tradicional impressa que aquelas envolvendo figuras do PSDB. Ao longo de 2014, 567 reportagens de Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e O Globo trataram de “escândalos” com participação de petistas, contra 187 em que apareciam quadros tucanos. No caso de Aécio, a denúncia sobre o aeroporto de Cláudio recebeu apenas 13 reportagens. De outro lado, a Petrobras valeu 427 textos, segundo contabilidade feita pelo projeto da Universidade Estadual do Rio de Janeiro.

“Essa manipulação eleitoral já foi feita no Brasil na oportunidade da eleição do presidente Collor”, concluiu Tarso. À época foram divulgadas reportagens com informações falsas sobre a vida privada de Luiz Inácio Lula da Silva, que sofreu também com uma edição do debate realizado na Globo favorável ao adversário Fernando Collor de Mello. “E ela foi tentada em diversas circunstâncias. Agora ela está sendo efetivada de maneira brutal. É um golpe contra a democracia, é um golpe contra a livre manifestação dos eleitores nas urnas.”

 ________________________________________________________________
Comente, participe, critique e proponha com respeito e sem ofender.

As 10 postagens mais acessadas

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato