Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

segunda-feira

Aécio Neves: um só corpo de traidores e vendilhões

  Amiga empresária Regina Toledo da Silva

O que escreverei aqui no texto abaixo não se rebaixará a acusações e a ofensas pessoais, como, aliás, as redes sociais estão plenas. Referir-me-ei a posturas, a propostas, a projetos e aos que se aliam para suas concretizações, em muitos casos mascarando a verdade do que realmente pensam e artuculam nos bastidores.


Penso que deste domingo, dia 12 de outubro de 2014, a história testemunhará os maiores vexamos e vergonhas que certas figuras brasileiras protagonizaram, ultrapassando todos os limites da decência, escoando pelo esgoto das safadezas e do crime político. 

Com o ilibado e respeitado Roberto Amaral, presidente em exercício do Partido Socialista Brasileiro, muitos de nós lamentamos com muita tristeza  que lideranças e também familiares de Eduardo Campos teatralizem o mais baixo nível de traição que expõe o Brasil a riscos, esquecendo o que aconteceu com a eleição de Collor e Fernando Henrique Cardoso, ao aderirem à candidatura do neoliberal, conservador e de conduta moral e política de reputação duvidável, Aécio Neves. 

Claro, amiga Regina, a linha sem fim de traições não iniciou hoje. Neste domingo a farsa consolidou-se mais forte. A trajetória desencadeou-se com a aventura de Eduardo Campos, passando por sua morte de causas suspeitas e não investigadas e, creio, nunca será investigada. Em torno dele reuniram-se escórias como a Missionária de Deus, Marina Silva, ex-comunistas, que alguns deles cheguei a admirar e imitar desde minha juventude. A cada lance a borrasca engrossa em torno do que há de mais sujo e historicamente criminoso na história política brasileira do início de século XXI. 

Como sabes, Aécio tem suas raízes ancoradas no neoliberalismo vendilhão do Brasil da era FHC, a pior da nossa história, rivalizando com a ditadura militar. Tanto é assim que os piores da equipe econômica compõem sua “elite” responsável pela montagem de seu programa de governo. Essas figuras tristes não param de falar e de dizer que o salário mínimo elevado por Lula e Dilma é muito alto e prejudica as empresas. Prometem acabar com os bancos estatais, como o proclama o bandido Armínio Fraga. 

A missionária de Deus, Marina Silva, cuspindo ódio contra Lula, Dilma e o povo, testa sua capacidade de ser hipócrita e mentirosa ao fingir confundir a palavra “mudança” com a alternância de projetos e de grupos no poder. No lugar de um projeto que emancipa o Brasil, que empodera o povo reforçando seus direitos com necessidade de avançar no aprofundamento de reformas, a Missionária propõe a substituição por um que leve o Brasil de volta à humilhação e aos riscos de miséria para os pobres. Irresponsavelmente a missionária acompanha os traidores da atual liderança de PSB e se alia ao ex governador de Minas, conhecido por sua política de distribuição de dinheiro e do patrimônio público com seus familiares e amigos. 

Aécio falou e teatralizou emoção com a adesão de Roberta Campos, viúva de Eduardo Campos, e de seus filhos à sua candidatura. Enquanto isso Roberto Amaral diz que esta direção do PSB, incluindo o fanfarrão Roberto Albuquerque, que conheço bem no RS, traiu Miguel Arraes e toda a história socialista.

Portanto, a candidatura Aécio Neves é eixo de atração da pior escória brasileira. Agrega neoliberais perversos, fascistas, nazistas como Jair Bolsonaro, que defende ainda a ditadura militar com suas torturas, assassinatos e desrespeito à soberania nacional e à democracia, como seduz pessoas sub inteligentes e incultas, mas soberbas, arrogantes e odiosas do tipo Silas Malafaia e Everaldo Dias Pereira, ambos vergonha e malversadores do cristianismo. 

Aécio Neves é a candidatura esgoto da mídia mentirosa, criminosa e perversa, que foi enfrentada, como deve ser, na Argentina, na Venezuela, na Bolívia e em outros países. Aqui no Brasil Lula e Dilma se esmagaram e se omitiram de resolver esse poder de ladrões e raposas da liberdade, que existe sem  delegação do povo. O custo que corremos o risco de pagar é muito alto.

Não vacilo em afirmar que a candidatura Aécio, além de ser uma aventura na qual nem mesmo seus próprios correligionários acreditavam, é criminosa. As raízes do crime veem do denuncismo promovido por um juiz carreirista imoral que joga na mídia porca declarações de um marginal sobre a Petrobras, que a escumalha quer entregar para as multinacionais.

Mas a raiz, mãe fonte das ideias criminosas da candidatura Aécio, é o neoliberalismo, que rebentou com o Brasil e com nosso povo durante o tempo no qual que seu chefe, depois de enganar o povo brasileiro, elegeu-se para implementá-las. 

O celebrado economista chileno Max Neef diz que o neoliberalismo mata muito mais pessoas do que todos os exércitos do mundo juntos. A Europa de hoje experimenta os crimes do neoliberalismo em forma de desemprego, perda de moradias, insegurança os riscos de retorno do nazismo. 

A jornalista Cynara Menezes descreve o caso de uma mulher de 53 que se suicidou na Inglaterra “porque não podia pagar uma nova taxa instituída pelo governo conservador de David Cameron: o “imposto do dormitório” (bedroom tax). Trata-se de um imposto bizarro que vai atingir sobretudo os mais carentes, porque é direcionado às casas e apartamentos administrados pelas prefeituras, onde moram as famílias de baixa renda, pagando aluguel.” E assim, noticia Cynara, acontece na Espanha onde milhares de pessoas se matam porque são despejadas pelos bancos, verdadeiros comandantes do crime econômico, que atacam como o Ebola primeiro os pobres e os trabalhadores. No Brasil recente nós sabemos o que isso significa.

Os fanáticos que não leem, que não conhecem a realidade, que pensam à base do discurso criminoso vomitado pela mídia colonizada, familiar e dos ricos, prometem despejar votos na candidatura neoliberal conservadora, baseada na campanha eleitoral inflada por pesquisas de opinião manipuladas por bandidos, os de sempre. Os argumentos que usam contra a reeleição da Presidenta Dilma são vazios e intensamente odiosos.

Creio, minha amiga, que pessoas de boa fé, minimamente conscientes, patriotas, éticas e comprometidas com o futuro do Brasil não votarão nesta pessoa de história tão encalacrada em tudo o que há de pior e com o que de pior aconteceu a este País e no mundo. Fora disso, a propaganda do candidato dos escândalos aponta mesmo para a direita, para os eleitores incautos e para os vendidos. Seu discursinho teatral é nojento e pobre.

Então, minha cara empresária, ou derrotamos a derrota ou logo deveremos retornar às ruas e à luta mais organizada para limparmos o Palácio do Planalto do lixo que a  cloaca promete descarregar no poder central da República.

Abraços críticos e fraternos na luta pela justiça e pala paz.
Dom Orvandil: bispo cabano, farrapo e republicano.


________________________________________________________________________
Comente, participe, critique e proponha com respeito e sem ofender.

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato