Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

sexta-feira

Os erros do “gabinetismo” e da fuga das ruas




Querido Oséias

Obrigado por tua visita a mim nesta madrugada. Tuas preocupações, angústias e lágrimas também são as minhas. Mas nossas esperanças e engajamento na luta são muito maiores do que o sofrimento. São proféticas. Os profetas não têm medo de cara feia, de ameaças nem da luta.


Ontem fui fulminado por e-mails, Fecebook, telefonemas, comentários nas redes sociais, críticas, ataques e até intimidações com referência as manifestações que eram do MPL (Movimento do Passe Livre), agora manipuladas pela direita demo/tucano/pepessismo. Gente que parecia apoiar o desenvolvimento e os avanços políticos, econômicos e sociais que projetaram o Brasil no mundo, se deixou sugar pelas manobras diabólicas da direita. Nem durante a ditadura vi tanta agressividade e falta de respeito. No Facebook nessa madrugada rolaram desrespeitos grosseiros contra a Presidente Dilma, absolutamente ofensivos e abusivas contra sua autoridade. Uma figura, que não postarei aqui, portando a sigla PSDB no pênis de um estuprador violento, mostra um monstro violentando a Presidenta Dilma, nua e extenuada debaixo dele.


Acordei cedo com os pensamentos acelerados a refletir sobre os fatos de ontem. Meu Deus, as coisas são claras. As transmissões da mídia televisiva, sem intervalo e sem apresentar as novelas, principalmente a Globo, usavam uma linguagem cifrada e semelhante que eram verdadeiras senhas para os repórteres e funcionários servis que se infiltravam no meio dos manifestantes para ditar e comandar o desmovimento. Ficou a impressão forte da atuação de um comitê central pensante e pautador que emitia ordens para os massacres dos partidos e vandalismos, principalmente contra o patrimônio público. A Globo, autêntica esfomeada por dinheiro, principalmente o público que Lula e Dilma despejaram em suas burras, jamais deixaria de “rolar” comerciais de bebidas, de bancos, de automóveis caros para a minoria privilegiada, de quinquilharias para as madames e outros produtos fúteis de supermercados poderosos, se não fossem as articulações com grupos poderosos e internacionais. Ela jamais transmitiria um show nacional como o de ontem se não fosse vantajoso para ela. Sem dúvidas, somente os alienados e cooptados não percebem que a Globo comanda o golpe.


Pois bem, hoje já apareceu na internet um abaixo assinado pedindo o impeachment da Presidenta Dilma. Incrível que a nojeira nasce das mãos de um traidor, que já trabalhou para o Presidente Lula. Trata-se de Pedro Aromovay, ex- Secretário Nacional de Justiça (escrevi há poucos dias sobre os Judas e o terreno fértil para eles. Está aí mais um).


Para entender a golpe ao movimento original do passe livre (MPL) basta ligarmos as pontas dos fios. Há tempos surgiu um tal de grupo cansei contra Lula, que morreu de inanição. Depois surgiram os filhotes de papai varrendo o Brasil, tudo transmitido ao vivo pela Globo, que não deu em nada. Depois uns moleques burgueses ensaiaram protestos contra o ex-presidente Lula na Av. Paulista, mostrando que eram os únicos a querer derrubar um ex-presidente. Também viraram chacota. Concomitantemente Joaquim Barbosa, Gilmar Mendes Dantas e ouros lacaios do golpe fizeram shows no STF, transformando a corte de justiça em palco de perseguições e mentiras, espetacularizando condenações sem provas, tudo contra Lula e Dilma. A Globo e a Veja já candidataram Joaquim Barbosa à Presidente várias vezes do ano passado para cá, não pegou. Tentam ajudar Aécio Neves a se levantar de seu permanente estado etílico, mas não conseguem. Criaram um boneco de olhos azuis, que deram para o anti gay Silas Malafia abençoar, o governador Eduardo Campos, que se atolou nas pesquisas e não vai. Nada deu certo para a direita golpista.


Agora ela pegou carona em insatisfações justas de muitos setores do nosso povo, cujos trabalhadores são esmagados diariamente em transportes coletivos caros, sujos e indignos a quem produz e cuida de nossas riquezas. Sem falar nos problemas da saúde, que a própria classe dominante afundou retirando o CPMF dos cheques que somente a burguesia usa. A inocência, ignorância de muitos que vêm seus rostos nas telas de TV imaginam que participam de passeatas de reais protestos, sem se dar conta de que são usados pelos golpistas de direita. Por outro lado, como parte do agendamento desse comitê nacional e internacional, que cooptou a Globo e os demais canais para comandar o movimento, pessoas de clara intenção terrorista se infiltraram para causar pânico e destruição. Tudo com o apoio e transmissão da Globo e dos demais canais. Se bem que percebi alguma diferença na TV Record. Os outros foram totalmente pautados pelos Marinho.


Porém, do lado dos partidos, do governo federal e de Lula houve falhas clamorosas. Juntemos as pontas, também. Quando Dirceu, José Genuíno e outros foram condenados injustamente sem provas, com o cristalino objetivo de colocar setores sociais contra o governo e enfraquecê-lo nas eleições de 2012, muitos levantaram as vozes gritando que os partidos e Lula viessem para a rua. Muitos militantes e blogueiros, inclusive esse humilde peão, que apoiam o governo pressionaram pela mídia internetizada, hoje em ascensão, a que as centrais sindicais, os partidos de esquerda, principalmente os da base do governo Dilma, os movimentos sociais tomassem as ruas para defender o projeto de nação incipiente que construímos, fomos desdenhados e até ridicularizados. Eu mesmo enviei centenas de recados para blogs lulistas e dilmistas gritando por mobilização.  Eles nem se quer publicaram o que lhes pedi. Foram arrogantes e nem responderam. Quando a gente vai a gabinetes de vereadores, deputados e prefeitos de esquerda somos recebidos, até por funcionários pagos com verbas públicas, com narizes empinados e com desdém, fazendo pouco da gente. Aqui em Goiânia fundamos uma ONG de importância nacional. Lançamo-la na Câmara de Vereadores. Para tanto convidamos todos os vereadores, deputados estaduais, federais e senadores. Ninguém compareceu nem teve a dignidade de se justificar e ligar para perguntar se precisávamos de alguma coisa. Vou a vários grupos religiosos para falar sobre a Ibrapaz. Numa Federação de Umbanda e Orixás fui ainda criticado agressivamente por uma petista funcionária de uma deputada federal daqui pela iniciativa que tomei. Deveria ser apoiado pela iniciativa. Mas não, ainda fui desdenhado em público. Incrível isso.


Portanto, identifico duas causas do agigantamento do golpe, entre tantas, como a inércia do governo federal em face do neoliberalismo e com medidas neoliberais que vem tomando, em prejuízo do País e da classe trabalhadora. Uma é a minimização com que o governo Dilma trata a direita golpista, mentirosa e manipuladora. Até agora o governo se intimidou em mandar ao Congresso a regularização das leis que ordenam a mídia, principalmente a TV, permitindo que o bicho inimigo crescesse e servisse de canal de aproximação nazista, que os oportunistas sempre historicamente usaram para golpear a democracia. A pauta moralista que a direita usa no movimento é claramente de ruptura de alianças e de enfraquecimento do governo.  Isso pode aumentar, para prejuízo do Brasil. Daí não adiantará chorar, além de ser tremendamente risco para toda a América Latina. Outra causa é o encastelamento dos partidos de esquerda e de lideranças dos movimentos sociais. Muitos viraram empregados altamente assalariados nas estatais e se acomodaram. Fugiram do povo e se ausentaram das mobilizações nas ruas. Blogs do Presidente Lula até enviaram mensagens dizendo que o ex-presidente não precisaria retornar às ruas para se defender e defender o governo porque não há provas contra ele no STF. Ora, Joaquim Barbosa e Gilmar Martins Dantas precisam de provas para urdir condenações a favor do golpe?


Ainda há tempo. Senhores do PT, do Instituto Lula, do PCdoB, do PPL, do PSB, do Psol (mesmo que não integre o governo), das centrais sindicais, da UNE, da UBS, da CONAM, do MST, das pastorais sociais,  das coordenações dos movimentos sociais e de outros saiam de suas arrogâncias e acomodações e tomem conta das ruas. Os fascistas não têm maior honra, moral e história do que nós. É nas ruas que se defende a Nação e o povo. Foi nas ruas que Cuba derrotou o imperialismo poderoso. Foi na rua que colocamos os fascistas ditadores a correr em toda a América Latina. Mas é nas ruas também que se ouve o povo em suas críticas por demandas justas. Ninguém tem mais autoridade para isso do que nós. Repito: tem que ser já, antes que entreguemos o Brasil para os Obamas falsários e traidores que contam com a inestimável cooperação de seus lacaios aqui no Brasil.


Lê mais na entrevista e reflexão do filósofo Marcos Nobre, que parece ser um destes filósofos que não filosofam sobre sexo dos anjos, mas que contribuem para entendermos  este grito que se levanta das ruas.


Abraços críticos e fraternos na luta pela justiça e pela paz.
Dom Orvandil: bispo cabano, farrapo e republicano.



Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato