Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

terça-feira

Silas Malafaia: bobagens, preconceitos, gritos vazios e decadência




Caro amigo Pastor Lindalvo

Assisti o debate de Silas Malafaia com Marília Gabriela no seu programa “Frente a Frente com Gabi”, no domingo, dia 03 de fevereiro. 


Antes de comentar minhas impressões sobre o blefe chamado Silas Malafaia, vergonha para os evangélicos, permite que te manifeste minha estranheza quanto a tua apreciação do farsante. Em nossas conversas revelas pensamento progressista de quem prestigia o nível de desenvolvimento que o Brasil vive desde 2002 com a posse de Lula como Presidente do povo brasileiro em substituição ao Presidente do imperialismo, do FMI, da elite dominante, o mafioso  FHC, que governou de costas para o Brasil e para o nosso povo. Dizes que nesse sentido não gostas da participação política de Malafaia, sempre na linha conservadora e da direita em apoio ao pior que há na política brasileira, o careca de patriotismo, José Serra. Na teologia o Malafaia segue pelo rumo da teologia da prosperidade, desenterrada da Idade Média pelo Instituto da Criação, criado pelo governo Reagan dos Estados Unidos, com o objetivo de enfrentar a Teologia Latino Americana, também chamada de Teologia da Libertação, a mais bíblica que se inventou e que mais conta com recursos científicos das ciências humanas para interpretar a realidade. Portanto, o discursismo de Silas Malafaia não ultrapassa a linha do blefe e da pseudo bíblia. Escutar esse histérico é ater-se a verdadeira hemorragia de textos e versículos bíblicos citados sem critérios hermenêuticos e sem verdade, só porque certos textos são traduzidos, muito deles mal e perversamente traduzidos, com vocábulos semelhantes. Silas Malafaia é puro analfabetismo bíblico, teológico e científico, como se demonstrará abaixo. Não há nada de sério e de aproveitável no que ele prega. Não consigo entender, meu irmão, que tu, uma pessoa dotada de um curso superior, ainda digas que gostas de Silas Malafaia como pregador alegando ele é ungido pelo Espírito Santo. Mas como? O Espírito Santo não induz à mentira, o Espírito Santo não induz um sujeito a se aliar à direita perversa, vendida, antipatriótica, que odeia o povo e os trabalhadores, não leva as pessoas às mentiras ou falsas verdades, a dogmas fúteis e opressores. Como dizes que Malafaia é ungido pelo Espírito Santo?  Como pode um ricaço que vive das ofertas de quem doa para projetos inúteis ao povo, que servem para apenas inflar seu ego de mente endomoniada(com divisão interna e com intenção de dividir os outros), para programas de TV com o objetivo de propagandear um vendedor de livros de baixa qualidade intelectual, religiosa, teológica e de direita? Não entendo onde Silas Malafaia é bom pregador, e olha que já o assisti inúmeras vezes. Não vejo nele a não ser vaidade, gritos e histeria. É um moralista de direita que se acha representante dos evangélicos, embalado por grosseiro oportunismo. Nada mais. 

No domingo assisti Silas Malafaia. Como sempre digo, não tenho nada a ver com as religiões e igrejas dos outros. Respeito a todos. Porém, quando alguém sai de seu arraial para intervir na sociedade, essa é a verdadeira intenção do ricaço Malafaia, aí sim tenho a ver. No domingo através do programa acima referido o “pastor” decadente se apresentou usando uma camisa azul, bem da cor e estilo de José Serra, de Fernando Henrique Cardoso, do encachoeirado Marconi Perillo e de outros vendilhões de direita, marcando uma das cores da bandeira do PSDB. O recado de que lado ele está já foi dado pela cor da camisa. Percebi que ele suou em demasia pelas axilas, peito e costas. Sinal de raiva e de fazer muito esforço para “argumentar” com razões que nada fundamentam suas idéias conservadoras e sem base nenhuma. Gritou muito e sem educação não permitia que Gabi falasse e concluísse as perguntas e raciocínios que tentava levantar para ele, isso dentro da casa dela, o que mostra que Silas é grosso, mal educado e machista. Chegou ao ponto de Marília chamar um espaço comercial dizendo que ela não bateria nele e que muito menos ele bateria nela. Só faltou Marília mandar o gritão calar a boca, como fez uma vez com Leonel Brizola. Silas mentiu, seja por má fé ou por ignorância. Uma das mentiras foi a de dizer que a ciência não desmentiu nenhuma das verdades científicas da Bíblia. Essa é uma das enormes mentiras. A Bíblia não é compêndio científico. A Bíblia é uma biblioteca de uma gama enorme de textos desencontrados, de mitos ricos em verdades e revelações, produzidos acima de tudo por povos oprimidos. A Bíblia é uma produção de povos em luta por libertação. Não caiu do céu nem é isenta de erros. Ela é uma das maravilhas milenares produzidas por seres humanos encravados na terra e na história. Não é conjunto de leis, de regras nem de dogmas. Precisa muita competência e ética para interpretá-la, o que não é o caso do vaidoso pastor eletrônico. 

Silas Malafaia, para cavar espaço na sociedade e na mídia, abraçou uma bandeira das mais miseráveis possíveis, fruto do seu atraso fanático e direitista. A causa gay é bandeira muito fraca e insignificante. Muitos de seus colegas mais prudentes concordam com isso que escrevo aqui agora.  Ser homofóbico, como é caso do pastor amante de dízimos, é pior ainda. Seus argumentos são pobres e despidos de base, como verás no vídeo do cientista que postei abaixo. O “contragaysmo” é bandeira abraçada pela direita, como a usada pelo corrupto Demóstenes Torres, um dos paladinos da moral amados por muitos evangélicos e católicos desavisados. Eu não abraço essa causa de jeito nenhum, como não vivo a defender gays. Envolvo-me com causas superiores e mais sérias. Essa questão tomará seu rumo natural numa ética que as civilizações construirão, queiram os fanáticos de direita ou não. 

Silas Malafia é de direita. Suas “teses” são falsas e não se sustentam. Ele apenas “vence” temporariamente no grito, pelo autoritarismo e porque tem apoio de uma pequena elite em frangalhos, decadente, que logo será varrida do mapa, sem deixar lembranças. Espero, Pastor Lindalvo, que em breve tua inteligência e generosidade te mostrem que homens do tipo Malafaia não servem de exemplo para ninguém. Isso, sem trazer novamente aqui os depoimentos gravados e registrados eternamente no YouTube pelo pastor Caio Fabio. Malafaia nunca ousou processar Caio Fabio porque este sabe de coisas pavorosas da vida íntima do pregador ricaço e arrancador de dinheiro de telespectadores desavisados. 

Abaixo posto vídeo do geneticista Eli Vieira,  que responde tranquila e competentemente com bases científicas ao “pastor”-“psicólogo”, que mentiu para os telespectadores no domingo. 

Abraços críticos e fraternos na luta por justiça e paz.

Dom Orvandil: bispo cabano, farrapo e inter republicano. 

************************************************************************


As 10 postagens mais acessadas

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato