Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

sexta-feira

“Não há lei nesse país: cada um faz o que quer”


Prezado Pastor Octavio

Muito obrigado pelo comentário apreciativo que fazes deste blog.  Agradeço também ao meu querido amigo Jornalista Sérgio Barbosa, que tomou sobre si a incumbência de divulgar essa proposta de análise da realidade desenvolvida aqui.

O  Sérgio sabe do apreço que tenho por ele, fruto de uma amizade construída no Rio Grande do Sul.  Ele é uma amizade das que não se apagam com o tempo nem com a distância. Sou agradecido a ele. Contudo tu me surpreendeste. Pelo que senti és uma dessas preciosidades que restam no protestantismo-evangélico histórico, arraigado no senso profético militante e amparado bíblica-teologicamente e nos documentos fundantes do pensamento social progressista e socialista, que as igrejas ecumênicas produziram, na relação com o povo excluído.  A grande maioria, lamentavelmente,  bandeou-se para  um carismatismo escapista, alienado e neoliberal.  As marcas dessa tendência são o curandeirismo, o celestialismo desprendido da história e da realidade e os dízimos arrancados na marra de um povo sofrido e desesperado.

Pois bem, amigo e meu leitor estimado, retorno à questão de Pinheirinho. Há pessoas que acham que esse assunto já esgotou. Não esvaiu-se de maneira alguma, porque não é um problema isolado. O governo de São Paulo, neoliberal e direitista, como sabes, segue linha adotada desde Fernando Henrique Cardoso ao tratar os pobres, excluídos e a própria classe trabalhadora como problema de policia e não de políticas públicas. Pode analisar e ver o quanto FHC mandou bater no povo e o quanto governadores e prefeitos dessa mesma tendência política faz o mesmo. O Defensor Público Jairo Salvador, como podes constatar no vídeo abaixo, denuncia o espírito e a prática da elite que habita São José dos Campos. Essa dita “elite”, na verdade setor econômico que se fez em cima da exploração do trabalho alheio, é muito representativa de todo o Estado de São Paulo e do Brasil. Ela odeia os pobres, os trabalhadores e o povo. Para ela, como pensavam os nazistas, esse setor é lixo que precisa ser removido e eliminado, como tentou fazer as apodrecidas justiça e polícia de São Paulo. Aqui em Goiás o Governado Marconi Perillo, integrante dessa mesma escória age da mesma maneira, como já me referi em matérias anteriores aqui no blog. Nesse momento os professores estaduais aqui entraram em greve reivindicando respeito e justiça para com a  educação, maltratada por este neoliberal governador e seu traidor secretário de educação.

Portanto, nada é isolado nem é simplesmente caso de falta de lei, como diz angustiado Jairo Salvador. A “lei” aplicada é dessa reacionária, estúpida e dominante casta social e econômica, que manipula a justiça, os poderes policiais, de estado. executivos, mídia colonizada e subserviente.

Sugiro que assistas o vídeo abaixo, caro Pastor Octavio. Abraços fraternos.

As 10 postagens mais acessadas

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato