Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

quarta-feira

José Dirceu: Razões para Erenice estar no centro do furacão



Em duas notas oficiais, as explicações para os ataques...

Publico abaixo, na íntegra, as notas oficiais distribuídas à imprensa pela Casa Civil da Presidência da República e por sua ministra-chefe, Erenice Guerra, em resposta à tentativa da oposição de, em parceria com a revista VEJA desta semana, envolvê-la em escândalo.

Julgo desnecessário uma análise ou mais comentarios, porque as notas são auto-explicativas. Principalmente no trecho em que a ministra denuncia a "campanha de difamação que se inicia" contra ela e sua família e o objetivo da fabricação deste factóide: trata-se de mais uma montagem "em favor de um candidato aético e já derrotado, em tentativa desesperada da criação de um 'fato novo' que anime aqueles a quem o povo brasileiro tem rejeitado."

Com a íntegra das duas notas vocês ficam suficientemente informados a respeito do assunto. Só precisam levar em consideração, também, que todo o episódio tem mais um ingrediente: cheira muito mais a chantagem e disputa entre empresas, a represália de diretores demitidos dos Correios, do que realmente a tráfico de influência.

Abaixo as notas da ministra Erenice Guerra e da Casa Civil:

"Encaminhei aos Ministros Jorge Hage, da Controladoria-Geral da União, e Luis Paulo Teles, da Justiça, ofícios em que solicito que se procedam todas as investigações necessárias no sentido de apurar rigorosamente os fatos relatados em matéria publicada pela revista Veja, em sua edição mais recente, e que envolvem tanto minha conduta administrativa quanto a de familiares meus.

Espero celeridade e creio na exação e competência das autoridades às quais solicitei tais apurações.

Reafirmo ser fundamental defender-me de forma aberta e transparente das mentiras assacadas pela revista Veja. E assim o faço diante daquela que já é a mais desmentida e desmoralizada das matérias publicadas ao longo da história da imprensa brasileira.

Lamento, sinceramente, que por conta da exploração político-eleitoral, mais que distorcer ou inventar fatos, se invista contra a honra alheia sem o menor pudor, sem qualquer respeito humano ou, no mínimo, com a total ausência de qualquer critério profissional ou ética jornalística.

Chamo a atenção do Brasil para a impressionante e indisfarçável campanha de difamação que se inicia contra minha pessoa, minha vida e minha família, sem nada poupar, apenas em favor de um candidato aético e já derrotado, em tentativa desesperada da criação de um 'fato novo' que anime aqueles a quem o povo brasileiro tem rejeitado.

Pois o fato novo está criado e diante dos olhos da Nação: é minha disposição inabalável de enfrentar a mentira com a força da verdade e resoluta fé na Justiça de meu país, sem medo e sem ódio".

Erenice Guerra
Ministra-Chefe da Casa Civil da Presidência da República

A nota da Casa Civil:

"A ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra, contratou o escritório de advocacia Tojal, Teixeira Ferreira, Serrano e Renault Advogados Associados para atuar nas ações judiciais contra as calúnias publicadas pela revista Veja desta semana - todas já contestadas por meio de nota à imprensa.

Pela manhã, a ministra também solicitou à Comissão de Ética Pública da Presidência da República a imediata instauração de procedimento para apurar a sua conduta em relação às notícias publicadas pela revista Veja desta semana. Na solicitação, a ministra reafirmou a disposição de abrir os seus sigilos bancário, telefônico e fiscal, se necessário, bem como os sigilos de seu filho Israel."

Fonte: Blog do Zé

As 10 postagens mais acessadas

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato