Novo endereço

Este blog mora em outro endereço. Acesse +Cartas e Reflexões Proféticas e divulgue, por gentileza!

Pesquisar este blog

segunda-feira

Em porta de fábrica, Lula apresenta Dilma a operários

São Bernardo do Campo foi cenário do reencontro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a panfletagem de porta de fábrica, na madrugada desta segunda-feira (23).

O presidente  anunciou, frente a militantes e trabalhadores da Mercedes-Benz aglomerados na entrada principal da montadora, que o evento político em favor da candidata à Presidência, Dilma Rousseff, da coligação Para o Brasil Seguir Mudando, devereia ser diferente.

"Olha, foi armada uma estrutura de comício, mas a ideia era mais simples, era apertar a mão de cada um na chegada. Não é sempre que a gente tem uma candidata pra ir à porta de fábrica pra abraçar os companheiros. Não é fazer comício. Não é sempre que uma presidente da República pode vir aqui!", ralhou, levantando o braço de Dilma. "Vocês se organizem e depois vamos descer".

Em seu breve discurso, Dilma afirmou que a visita serviria para “firmar um compromisso” com os operários presentes no pátio da montadora. Ela prometeu governar, se eleita, “levando em consideração os direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras”. “Os governos têm de ter lado. O nosso lado é um só: crescimento econômico com emprego”, afirmou.

Já Lula se referiu a Dilma como "presidenta" durante sua fala. "Estou muito feliz de estar aqui às cinco horas da manhã com a nossa presidenta. Eu digo 'nossa presidenta' porque eu tenho a convicção de que, sabe... se Deus está conosco, quem está contra a gente"?

Ele manteve o clima de descontração e brincou sobre o que deverá fazer depois do fim do mandato. "Como eu vou perder o emprego no dia 1º de janeiro, tenho que praticar e nada como voltar a entregar panfleto outra vez".

Fonte: Com agências

As 10 postagens mais acessadas

Postagens antigas

Seguidores deste blog

Curta e compartilhe

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato